RIO MAIOR
Rio Maior

Município português, pertencente ao distrito de Santarém, compreendendo 14 freguesias (Alcobertas, Arrouquelas, Arruda dos Pisões, Asseiceira, Assentiz, Azambujeira, Fráguas, Malaqueijo, Marmeleira, Outeiro da Cortiçada, Ribeira de São João, Rio Maior, São João da Ribeira e São Sebastião). Em termos demográficos, a população em 1991 era constituída por cerca de 20 100 residentes para uma área bruta de 272 km2 e a variação da população residente entre 1960 e 1991 foi de 4%.

A economia municipal assenta na indústria extractiva (salinas), agro-pecuária, comércio retalhista e restauração, indústria alimentar, destacando-se ainda o papel da administração local.

Localizada a noroeste da cidade de Santarém e a és-sudeste da cidade das Caldas da Rainha, a cidade de Rio Maior é sede de município e registava uma população de cerca de 6700 residentes em 1991. A cidade tem o seu limite administrativo circunscrito à freguesia homónima.

património

O património edificado mais importante inclui a igreja matriz (do século XX) e a igreja de Nossa Senhora da Conceição (do século XVIII), a capela de Nossa Senhora da Vitória, o pelourinho e a igreja matriz de Azambujeira, a igreja matriz de Fráguas, e as ruínas de um castro em São João da Ribeira. O Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros com as suas grutas de Alvados e Santo António, constitui o elemento mais significativo do património natural.

história

Na região existem testemunhos de ocupação humana no Neolítico e também de romanização.

Cresceu à volta da exploração do sal. É concelho desde 1836 (pertenceu aos concelhos de Azambujeira e de Santarém) e cidade desde 14 de Agosto de 1895.
41 photos · 9,347 views