Portuguese_eyes > Collections

O Distrito de Coimbra é um distrito português, pertencente na sua maior parte à província tradicional da Beira Litoral, embora vários concelhos da sua parte leste se dividam entre as províncias da Beira Alta e da Beira Baixa. Limita a norte com o Distrito de Aveiro e com o Distrito de Viseu, a leste com o Distrito da Guarda e com o Distrito de Castelo Branco, a sul com o Distrito de Leiria e a oeste com o Oceano Atlântico. Área: 3947 km² (12º maior distrito português). População residente (2001): 441 245. Sede de distrito: Coimbra.
Subdivisões

O distrito de Coimbra subdivide-se nos seguintes 17 municípios:

* Arganil
* Cantanhede
* Coimbra
* Condeixa-a-Nova
* Figueira da Foz
* Góis
* Lousã
* Mira
* Miranda do Corvo
* Montemor-o-Velho
* Oliveira do Hospital
* Pampilhosa da Serra
* Penacova
* Penela
* Soure
* Tábua
* Vila Nova de Poiares

Na actual divisão principal do país, o distrito encontra-se integrado na Região Centro e dividido em duas subregiões, uma das quais integrando ainda concelhos pertencentes ao Distrito de Leiria: Baixo Mondego e Pinhal Interior Norte. Em resumo:

* Região Centro
o Baixo Mondego
+ Cantanhede
+ Coimbra
+ Condeixa-a-Nova
+ Figueira da Foz
+ Mira
+ Montemor-o-Velho
+ Penacova
+ Soure
o Pinhal Interior Norte
+ Arganil
+ Góis
+ Lousã
+ Miranda do Corvo
+ Oliveira do Hospital
+ Pampilhosa da Serra
+ Penela
+ Tábua
+ Vila Nova de Poiares

Geografia física

A principal característica geográfica do distrito de Coimbra é o vale do rio Mondego, que domina a paisagem em todo o ocidente do distrito e constitui, com os vales de dois dos seus afluentes, o rio Alva e o rio Ceira, as principais características da zona oriental. O distrito divide-se, pois, em duas metades:

A ocidente estende-se uma planície costeira, atravessada, a sul, pelo curso inferior do Mondego. Esta área prolonga a planície costeira do distrito de Aveiro e tem a maior altitude (não muito mais de 200 m) no Cabo Mondego, perto da Figueira da Foz. A oriente, pelo contrário, entra-se na serra. No noroeste desta área, o relevo ainda não é muito pronunciado, com a Serra do Buçaco a atingir apenas 549 m de altitude. Mas a sueste domina o sistema montanhoso da Estrela, com a Serra da Lousã a subir até aos 1205 m de altitude, e a Serra do Açor até aos 1418 m. O distrito termina em plena vertente ocidental da serra da Estrela, a pouco mais de 10 km das maiores altitudes do território continental português.

Como já se viu, o Mondego domina a hidrografia, correndo de nordeste para sudoeste no curso superior e de leste para oeste no curso inferior, onde está rodeado de terrenos alagadiços. Todo o distrito está integrado na sua bacia hidrográfica, à excepção do litoral norte e da extremidade sueste, e todos os outros rios principais são seus afluentes. O rio Alva atravessa a zona oriental do distrito, de leste para oeste, o mesmo fazendo o rio Ceira, um pouco mais a sul. O rio Corvo, por sua vez, corre de sul para norte, indo desaguar no Mondego muito perto de Coimbra, e o mesmo fazem o rio Soure, a ocidente e o rio Carnide, ainda mais a oeste. Todos estes rios são afluentes da margem esquerda do Mondego, que praticamente não tem afluentes na margem direita no distrito de Coimbra. A única excepção é um pequeno rio que nasce no Buçaco: o Botão. No sueste do distrito, a ribeira da Pampilhosa é afluente da margem direita do rio Zêzere, e o seu vale já vai, portanto, pertencer à bacia do Tejo. O próprio Zêzere serve de fronteira com o distrito de Castelo Branco.

No Mondego existe uma grande barragem, a Barragem da Aguieira, que serve de freonteira com o distrito de Viseu, e uma outra, bastante mais pequena: a Barragem da Raiva. No Alva existe a Barragem do Rei de Moinhos e a Barragem de Fronhas. O Ceira é represado pela Barragem do Alto de Ceira e pela Barragem de Monte Redondo. E, para completar a lista de barragens, a Barragem de Santa Luzia represa a ribeira da Pampilhosa e a albufeira da Barragem do Cabril, no rio Zêzere, ainda pertence em parte ao distrito de Coimbra.

A costa é em geral arenosa e baixa, com excepção do Cabo Mondego. Para norte estendem-se dunas extensas, que se prolongam vários quilómetros para o interior, semeadas de pequenas lagoas. A porção mais a norte do litoral do distrito, no concelho de Mira (Coimbra), é já uma parte afastada do sistema lagunar da ria de Aveiro, e quase todo o noroeste do distrito pertence à bacia hidrográfica ria de Aveiro - rio Vouga.
(Wikipedia)

************* Caso pretenda adquirir os direitos de utilização das minhas fotos, contacte-me pelo email vitorcabraldeoliveira@gmail.com *************

ARGANIL
1 comment

ARGANIL

341 photos

CANTANHEDE
1 comment

CANTANHEDE

131 photos

COIMBRA
4 comments

COIMBRA

614 photos

CONDEIXA-A-NOVA

CONDEIXA-A-NOVA

47 photos

FIGUEIRA DA FOZ

FIGUEIRA DA FOZ

193 photos

GÓIS
5 comments

GÓIS

93 photos

LOUSÃ

LOUSÃ

182 photos, 1 video

MIRA

MIRA

67 photos

MIRANDA DO CORVO

MIRANDA DO CORVO

44 photos

MONTEMOR-O-VELHO

MONTEMOR-O-VELH O

84 photos

PAMPILHOSA DA SERRA

PAMPILHOSA DA SERRA

96 photos, 1 video

PENACOVA

PENACOVA

68 photos

PENELA
2 comments

PENELA

113 photos

SOURE

SOURE

14 photos

TÁBUA

TÁBUA

79 photos, 1 video