new icn messageflickr-free-ic3d pan white
View allAll Photos Tagged urbaniza

© Copyright 2014 Francisco Aragão

© ALL RIGHTS RESERVED. Use without permission is illegal.

© TODOS LOS DERECHOS RESERVADOS. El uso sin permiso es ilegal

© TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. Usar sem permissão é ilegal.

© TOUS DROITS RÉSERVÉS. Utilisez sans autorisation est illégale.

© TUTTI I DIRITTI RISERVATI. L'uso senza autorizzazione è illegale.

=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=[fa]

 

Catalan

El Temple Expiatori del Sagrat Cor és una església situada a la muntanya del Tibidabo, a Barcelona, obra de l'arquitecte Enric Sagnier i Villavecchia i finalitzada pel seu fill Josep Maria Sagnier i Vidal. La seva construcció es perllongà de 1902 a 1961.

La idea de construir un temple al cim de la muntanya del Tibidabo sorgeix a finals del segle XIX davant dels rumors sobre la construcció d'un temple protestant i un hotel-casino, motiu pel qual una "Junta de Cavallers Catòlics" adquireix la propietat del terreny i el cedeix el 1886 a Sant Joan Bosco, de visita llavors a Barcelona invitat per Dorotea de Chopitea, gran mecenes i promotora del projecte. Sorgeix llavors la idea de fer un temple dedicat al Sagrat Cor de Jesús, advocació de moda en aquell temps gràcies a l'impuls del papa beat Pius IX, i seguint la línia del temple construït a Roma pel mateix Bosco (Sacro Cuore di Gesù), així com del famós Sacré-Cœur de París.

El 1886 es construeix una ermita neogòtica, i dos anys més tard, amb motiu de l’Exposició Universal, s'urbanitza la carretera de Vallvidrera i es construeix al costat de l'ermita un pavelló d'inspiració mudèjar, que servia de mirador. Tanmateix, el projecte patirà un important retard a causa sobretot de l'aparició d'un nou projecte per a construir un observatori astronòmic al cim del Tibidabo, que finalment es farà a un turó proper (Observatori Fabra). Finalment, el 28 de desembre de 1902 es col·loca la primera pedra en un acte presidit pel bisbe de Barcelona Salvador Casañas i Pagès.

 

Spanish

El Templo Expiatorio del Sagrado Corazón (en catalán Temple Expiatori del Sagrat Cor) es una iglesia situada en la montaña del Tibidabo, en Barcelona, obra del arquitecto Enric Sagnier i Villavecchia y finalizada por su hijo Josep Maria Sagnier i Vidal. Su construcción se prolongó de 1902 a 1961.

La idea de construir un templo en lo alto de la montaña del Tibidabo surge a finales del siglo XIX ante los rumores sobre la construcción de un templo protestante y un hotel-casino, ante lo que una “Junta de Caballeros Católicos” adquiere la propiedad del terreno, cediéndolo en 1886 a San Juan Bosco, de visita entonces en Barcelona invitado por Dorotea de Chopitea, gran mecenas y promotora del proyecto. Surge entonces la idea de hacer un templo dedicado al Sagrado Corazón de Jesús, advocación de moda en aquel entonces gracias al impulso del papa León XIII, y siguiendo la línea del templo construido en Roma por el propio Bosco (Sacro Cuore di Gesù), así como del famoso Sacré-Cœur de París.

En 1886 se construye una ermita neogótica, y dos años más tarde, con motivo de la Exposición Universal, se urbaniza la carretera de Vallvidrera y se construye al lado de la ermita un pabellón de inspiración mudéjar, que servía de mirador -posteriormente derribado-. Sin embargo, el proyecto sufrirá un importante retraso debido sobre todo a la aparición de un nuevo proyecto para construir un observatorio astronómico en la cima del Tibidabo, que finalmente se hizo en una colina próxima (Observatorio Fabra). Finalmente, el 28 de diciembre de 1902 se coloca la primera piedra en un acto presidido por el obispo de Barcelona, Salvador Casañas i Pagès.

El 29 de octubre de 1961 recibió el título de basílica menor, otorgado por el papa Juan XXIII.

 

English

The Temple Expiatori del Sagrat Cor (Catalan pronunciation: [səˈɣɾat ˈkɔr]; English: Expiatory Church of the Sacred Heart of Jesus, Spanish: Templo Expiatorio del Sagrado Corazón de Jesús) is a Roman Catholic church and minor basilica located on the summit of Mount Tibidabo in Barcelona, Catalonia, Spain. The building is the work of the Spanish Catalan architect Enric Sagnier and was completed by his son Josep Maria Sagnier i Vidal. The construction of the church, dedicated to the Sacred Heart of Jesus, lasted from 1902 to 1961.

 

Wikipedia

Title: An analysis of Pennsylvania's forest resources

Identifier: analysisofpennsy69powe

Year: 1982 (1980s)

Authors: Powell, Douglas S; Considine, Thomas J

Subjects: Forests and forestry Pennsylvania; Forest management Pennsylvania

Publisher: [Broomall, Pa. ] : United States Dept. of Agriculture, Forest Service, Northeastern Forest Experiment Station

Contributing Library: U.S. Department of Agriculture, National Agricultural Library

Digitizing Sponsor: U.S. Department of Agriculture, National Agricultural Library

  

View Book Page: Book Viewer

About This Book: Catalog Entry

View All Images: All Images From Book

 

Click here to view book online to see this illustration in context in a browseable online version of this book.

  

Text Appearing Before Image:

consumptive uses of wildlife (uses other than hunting and trapping). As this occurs, the rate of increase in hunting may level off. Possible rea- sons for this are continued urbaniza- tion of the population, difficulty in finding open land, a decrease in the quality of the sport, an increase in the concentration of hunters, and in- creasing interest in other forms of recreation (personal communication, Jerry Hassinger, wildlife biologist, Pennsylvania Game Commission). Regardless of the trends in non- game/game interests, the wildlife re- source will continue to flourish due to the extent and quality of the forests of Pennsylvania. Recreation Recreation is a human need, ".. .ideally a change in lifestyle, even if only for a few hours or a weekend. It is a leisure with a purpose" (Jack- son 1978). Outdoor recreation allows relief from daily frustrations and re- vitalizes the spirit. For many Pennsyl- vanians, outdoor recreation is a most valuable benefit of forest land. During the 1950's, recreation and leisure became important to the economy of Pennsylvania as people gained more leisure time, money, and greater mobility. Since the second forest survey of Pennsylvania, the Commonwealth has dramatically in- creased its efforts to develop the state's recreation potential. As evi- denced by the statewide comprehen- sive outdoor recreation report (Pa. Off. State Plan, and Dev. 1976) and its annual updates, the activities of many State agencies in recreation planning are coordinated on a con- tinuing basis. Pennsylvania's climates and landforms provide the resources to support a diverse group of year-round recreational activities. Of the state's 28.8 million acres, approximately 10 million are available for some kind of recreational activity. Private owners control more than half of these lands. While private lands currently re- ceive the most use, they are nonethe- less underutilized. Recreational plan- ning to include private lands has his- torically been difficult because of the large number of owners and the large acreages they control. An estimated 52 percent of Pennsylvania's private forest-land owners controlling 8.3 million acres allow others on some of their lands for a variety of recrea- tional activities. The most frequently allowed activities are hunting, hiking, and snowmobiling (Birch and Dennis 1980). Efforts to coordinate recrea- tion on private lands are increasing as several State agencies develop co- operative programs. Pennsylvania's State-owned lands are a most important outdoor recreational resource. After the pri- vate lands, State lands are the largest source of recreation land. Of the three State agencies most closely connected with outdoor recreation, the Department of Environmental Re- sources is the largest land owner. Within DER, the Bureau of Forestry administers more than 2 million acres, and the Bureau of State Parks administers approximately 287,000 acres. The State Forest System operates 20 forestry districts. Although high- quality timber production is an impor- tant goal, the multiple-use principles under which the Forests are man- aged give equal priority to dispersed recreation. Driving for pleasure and hunting are the two most popular activities on State Forests. Recently, however, hiking and cross-country skiing have shown the most growth. More than 2,500 miles of foot trails are available and the Bureau of For- estry, in cooperation with local hiking clubs, is working to develop more. Trails on the State Forests generally Hikers make good use of the forested trails in Pennsylvania's publicly owned forests.

 

Text Appearing After Image:

Pennsylvania Bureau of Forestry 67

  

Note About Images

Please note that these images are extracted from scanned page images that may have been digitally enhanced for readability - coloration and appearance of these illustrations may not perfectly resemble the original work.

Title: The Biological bulletin

Identifier: biologicalbullet145mari

Year: (s)

Authors: Marine Biological Laboratory (Woods Hole, Mass. ); Marine Biological Laboratory (Woods Hole, Mass. ). Annual report 1907/08-1952; Lillie, Frank Rattray, 1870-1947; Moore, Carl Richard, 1892-; Redfield, Alfred Clarence, 1890-1983

Subjects: Biology; Zoology; Biology; Marine Biology

Publisher: Woods Hole, Mass. : Marine Biological Laboratory

Contributing Library: MBLWHOI Library

Digitizing Sponsor: MBLWHOI Library

  

View Book Page: Book Viewer

About This Book: Catalog Entry

View All Images: All Images From Book

 

Click here to view book online to see this illustration in context in a browseable online version of this book.

  

Text Appearing Before Image:

POLYMORPHIC TERMINATION OF DIAPAUSE 641 DANILEVSKII, A. S., N. I. GORYSHIN AND V. P. TYSHCHENKO, 1970. Biological rhythms in terrestrial arthropods. Ann. Rev. Ent., 15 : 201-244. FERGUSON, D. C, 1972. Bomhycoidea (in part). Pages 155-275 in R. B. Dominick, C. R. Edwards, D. C. Ferguson, J. G. Franclemont, R. W. Hodges and E. G. Munroe, Eds., The Moths of America North of Mexico. E. W. Classey, London. GROTE, A. R., 1878. In the Minutes of the Annual Meeting of the Entomological Club of the AAAS. Can. Entomoi., 10 : 176. MANSINGH, A., 1971. Physiological classification of dormancies in insects. Can. Entomoi., 103: 983-1009. MANSINGH, A., AND B. N. SMALLMAN, 1966. Photoperiod control of an "obligatory" pupal diapause. Can. Entomoi., 98: 613-616. MANSINGH, A., AND B. N. SMALLMAN, 1967. Effect of photoperiod on the incidence and physiology of diapause in two saturniids. /. Insect Pliysiol., 13 : 1147-1162. MARSH, F. L., 1941. A few life-history details of Samia cecropia within the southwestern limits of Chicago. Ecology, 22 : 331-337. RABB, R. L., 1966. Diapause in Protoparcc scxta (Lepidoptera: Sphingidae). Ann. Ent. Soc. Amer., 59: 160-165. RAU, P., AND N. RAU, 1912. Longevity in saturniid moths : an experimental study. /. Exp. Biol., 12: 179-204. RAU, P., AND N. RAU, 1914. Longevity in saturniid moths and its relation to the function of reproduction. Trans. Acad. Sci. St. Louis, 23 : 1-78. SCARBROUGH, A. G., 1970. The occurrence of Hyalophora cecropia (L.) as related to urbaniza- tion. Ph.D. thesis. University of Illinois, Urbana, Illinois, 212 pp. SCUDDEK, S. H., 1889. The Butterflies of the Eastern United States and Canada. S. H. Scudder, Cambridge, Massachusetts, Vol. II. STERNBURG, J. G., AND G. P. WALDBAUER, 1969. Biomodal emergence of adult cecropia moths under natural conditions. Ann. Ent. Soc. Amer., 62 : 1422-1429. TELFER, W. H., 1967. Cecropia. Pages 173-182 in F. H. Wilt and N. K. Wessels, Eds., Methods in Developmental Biology. T. Y. Crowell Co., New York. WALDBAUER, G. P., AND J. G. STERNBURG, 1967. Host plants and the locations of the baggy and compact cocoons of Hyalophora cecropia (Lepidoptera: Saturniidae). Ann. Ent. Soc. Amer., 60: 97-101. WILDE, J. DE, 1962. Photoperiodism in insects and mites. Ann. Rev. Ent., 7 : 1—26. WILLIAMS, C. M., 1956. Physiology of insect diapause. X. An endocrine mechanism for the influence of temperature on the diapausing pupae of the cecropia silkworm. Biol. Bui!.. 110: 201-218. WILLIS, J. H., G. P. WALDBAUER AND J. G. STERNBURG, 1974. The initiation of development by the early and late emerging morphs of cecropia. Ent. E.rp. Appl., 17: in press. Note added in proof: Mr. C. B. Worth (R.D., Delmont, NJ. 08314) (1973, unpublished manu- script) recently informed us that the emergence pattern of Cecropia is bimodal in Cape May County, New Jersey and that he has demonstrated that early and late emergence have a genetic basis.

 

Text Appearing After Image:

  

Note About Images

Please note that these images are extracted from scanned page images that may have been digitally enhanced for readability - coloration and appearance of these illustrations may not perfectly resemble the original work.

Title: The Biological bulletin

Identifier: biologicalbullet203mari

Year: (s)

Authors: Marine Biological Laboratory (Woods Hole, Mass. ); Marine Biological Laboratory (Woods Hole, Mass. ). Annual report 1907/08-1952; Lillie, Frank Rattray, 1870-1947; Moore, Carl Richard, 1892-; Redfield, Alfred Clarence, 1890-1983

Subjects: Biology; Zoology; Biology; Marine Biology

Publisher: Woods Hole, Mass. : Marine Biological Laboratory

Contributing Library: MBLWHOI Library

Digitizing Sponsor: MBLWHOI Library

  

View Book Page: Book Viewer

About This Book: Catalog Entry

View All Images: All Images From Book

 

Click here to view book online to see this illustration in context in a browseable online version of this book.

  

Text Appearing Before Image:

Publications

 

Text Appearing After Image:

Amaral Zettler, L. A., T. A. Nerad, C. J. O'Kellv, and M. L. Sogin. 2(101. The nucleariid amoebae: more protists at the animal-fungal boundary. J. Eukaryut. Microbiol. 48: 293-297. Arkhipova, I. R., and H. G. Morrison. 2001. Three retrotransposon families in the genome of dunlin Iwnhlia: two telomeric. one dead. Proc. Nat/. Acail. Sci. USA 98: 14.497-14,502. Armstrong, P. B. 2001. The contribution of proteinase inhibitors to immune defense. Trends Immunol. 22: 47-52. Asteggiano, C., G. Berherian, and L. Beauge. 2001. Phosphatidylino- sitol-4.5-biphosphate bound to bo\ine cardiac N;i/Ca exchanger dis- plays a MgATP regulation similar to that of the exchange fluxes. Em: J. Biticliem. 268: 437-442. Augustine, G. J. 2001. How does calcium trigger neurotransmitter re- lease1? Our. Opin. Neurohiol. 11: 320-326. Barbieri, E., B. J. Paster, D. Hughes, L. Zurek, D. P. Moser, A. Teske, and M. L. Sogin. 2001. Phylogenetic characterization of epibiotic bacteria in the accessory nidamental gland and egg capsules of the squid Lo/igo pealei (Cephalopoda:Loliginidae). Environ. Microhiol. 3: 151-167. Barlow, R. B. 2001. Efferent and circadian modulation of visual sensi- tivity. Pp. 4S7-503 in Concepts and Challenges in Retinal Biolnt;v: Tribute to John E. Dowling, H. Kolb. H. Ripps, and S. Wu, eds. Series: Progress in Brain Research, 131. Elsevier Press. New York. Barlow. R. B.. J. M. Hitt, and F. A. Dodge. 2001. Limulin vision in the marine environment. Bio/. Hull. 200: 169-176. Basanez. G., and J. Zimmerberg. 2001. HIV and apoptosis. Death and the mitochondrion. / E.\p. Med. 193: FI1-F14. Berntson, E. A., F. M. Bayer. A. G. McArthur, and S. C. France. 2001. Phylogenetic relationships within the Octocorallia (Cnidaria: Antho- zoa). based on nuclear 18S rRNA sequences. Mar. Biol. 138: 235-246. Billack, B.. D. E. Heck. D. M. Porterfield, R. P. Makhow, P. J. S. Smith, C. R. Gardner, D. L. Luskin, and .1. D. Laskin. 2001. Minimal amidine structure for inhibition of nitric oxide biosynthesis. Biochem. Pharmacol. 61: 1581-1586. Blank, P.. S. Vogel, J. Malley, and J. Zimmerberg. 2001. A kinetic- analysis of calcium-triggered exocytosis. J. Gen. Physio/. 118: 145- 155. Boudko. I). Y., I.. L. Moroz, VV. R. Harvey, and P. J. Linser. 2001. Alkalinization by chloride/bicarbonate pathway in larval mosquito midgut. Proc. Nail. Aciul. Sci. 98: 15.354-15.359. Boudko, D. Y., L. L. Moroz, P. J. Linser, J. R. Trimarchi, P. J. S. Smith, and VV. R. Harvey. 2001. In \ilii analysis of pH gradients in mosquito larvae using non-invasive, self-referencing. pH-sensitive mi- croelectrodes. J. E.\r>. Biol. 204: 691-699. Bowen, J. L., and I. Yaliela. 2001. The ecological effects of urbaniza- tion of coastal watersheds: historical increases in nitrogen loads and eutrophication of Waquoit Bay estuaries. Can. J. Fish. Aai/at. Sci. 58: 1489-1500. Bowen, J. L., and I. Valiela. 2001. Historical changes in atmospheric nitrogen deposition to Cape Cod. Massachusetts. Atmos. Environ. 35: 1039-1051. Boyle. Richard, Allen F. Mensinger, Kaoru Yoshida, Shiro Usui, An- thony Intravaia, Timothy Tricas, and Stephen M. Highstein. 2001. Neural readaptation to earth's gravity following return from space. J. Neumphysiol. 86: 2118-2122. Bret-Harte, M. S., G. R. Shaver, J. P. Zoerner, J. F. Johnstone. J. L. Wagner, A. S. Chavez, R. F. Gunkelman, S. C. Lippert, and J. A. Laundre. 2001. Developmental plasticity allows Benila nana to dominate tundra subjected to an altered environment. Ecology 82: 18-32. Brown, Jeremiah R., Kyle R. Simonetta, Leslie A. Sandberg, Phillip Stafford, and George M. Langtord. 2001. Recombinant globular tail fragment of myosin-V blocks vesicle transport in squid nerve cell extracts. Biol. Bull. 201: 240-241. Bucior, L. and M. M. Burger. 2001. Carbohydrate-carbohydrate inter- actions = cell-cell recognition? dycobiology 11: 896. Burbach, J. Peter H., Anita J. C. G. M. Hellemons, Marco Hoekman, Philip Grant, and Harish C. Pant. 2001. The stellate ganglion of the squid Loli^o pealeii as a model for neuronal development: expres- sion of a POU Class VI homeodomain gene. Rpf-1. Biol. Bull. 201: 252-254. Buresch, K. M., Roger T. Hanlon, M. R. Maxwell, and S. Ring. 2001. Microsatellite DNA markers indicate a high frequency of multiple paternity within individual field-collected egg capsules of the squid Lolino peuleii. Mai: Ecol. Prog. Ser. 210: 161-165. Bush, M. B.. E. Moreno. P. E. De Oliveira, E. Asanza, and P. A. Colinvaux. 2001. The influence of biogeographic and ecological heterogeneity on Amazonian pollen spectra. J. Trop. Ecol. 17: 729- 744. Bush, M. B., M. Stute, M.-P. Ledru. H. Behling, P. A. Colinvaux. P. E. De Oliveira, E. C. Grimm. H. Hooghiemstra, S. Haberle. B. VV. Leyden, M.-L. Salgado-Lahouriau, and R. Webb. 2001. Paleotem- perature estimates for the lowland Americas between 30°S and 30:N at the last glacial maximum. Pp. 293-306 in lino hemispheric Climate Linkages: Present and Pas! Interhemispheric Climatic Linkages in the Americas and Their Societal Effects. V. Markgraf, ed. Academic Press, New York. Calzone, VV. L., C. Silva. D. L. Keefe, and N. S. Stachenfeld. 2001. Progesterone does not alter osmotic regulation of AVP. Am. J. Pliysiol. Rexiilutory Intcgnitive Comp. Phvsiol. 281: R20I 1-R2020. R92

  

Note About Images

Please note that these images are extracted from scanned page images that may have been digitally enhanced for readability - coloration and appearance of these illustrations may not perfectly resemble the original work.

Title: The Changing Illinois environment : critical trends : summary report of the Critical Trends Assessment Project

Identifier: changingillinois00illi

Year: 1994 (1990s)

Authors: Illinois. Dept. of Energy and Natural Resources; Nature of Illinois Foundation

Subjects: Man; Pollution; Environmental protection; Ecology; Environmental impact analysis

Publisher: [Springfield, Ill. ?] : Ill. Dept. of Energy and Natural Resources, the Nature of Ill. Foundation

Contributing Library: University of Illinois Urbana-Champaign

Digitizing Sponsor: University of Illinois Urbana-Champaign

  

View Book Page: Book Viewer

About This Book: Catalog Entry

View All Images: All Images From Book

 

Click here to view book online to see this illustration in context in a browseable online version of this book.

  

Text Appearing Before Image:

18 ⢠The Changing Illinois Environment Urbanization is encroaching on Illinois streams. ⢠In Champaign County, urban uses along streams increased more than 37% from 1958 to 1988, and much of that occurred within 100 feet of the water. Page 19-20 Figure 3-2 Estimates of Statewide Pollutant Discharge Loading for Analyzed Major Municipalities 30 25 20 3 15 10 0

 

Text Appearing After Image:

1989 1990 1991 1987 1988 ^M Total Suspended Solids ^M Biological/Carbonaceous Biological Oxygen Demand 変 Ammonia 1992 reported loadings of ammonia that were 65% lower in 1992 than in 1987. Sevenr>-one facilities showed a 42% decline in discharges of total suspended solids. Sixty-one facili- ties reported that from 1987 to 1992 loading of residual chlorine from chlorination had dropped by almost 25%. (Figure 3-2) Trends in loadings of chromium, copper, cyanide, and phenols from major manufacturing and utility facilities also showed declines between 1987 and 1992, with reductions ranging vari- ously from 37% to 53%. In spite of these improvements, the num- ber of fish kills has increased since 1965. Although numbers fluctu- ate from year to year, the annual number of fish killed by pollution (rather than by drought or other natural causes) has been rising. The proportion of kills attributable to industrial point sources has declined in the last 30 years and now stands at roughly 10%. Similarly, fish kills attributable to acid runoff from coal-mine waste are becoming rarer as abandoned mine sites are cleaned up. Kills attributable to agriculture, often from unregulated nonpoint sources, have risen steadily. Analysis of data from 28 permanent fish census stations on the Illinois River for the years 1963 and 1*^92 reveal what appears to be a general trend toward recover)- in terms of certain measures of stream ecosystems. Native species such as minnows and green sun- fish have returned to the upper Illinois, relegating carp to seventh place among the more populous fishes. (Figure 3-3) Similar turnabouts have been recorded in other reaches of the river. The blucgill supplanted the carp as most populous species in the middle and lower Illinois. The incidence of external abnormalities in fish (mainly sores and eroded fins) taken from the Illinois River also declined markedly bcrween 1963 and 1992. Using biological criteria, however, one study found that as of 1988 the proportion of sticam-miles in Illinois in fair xo very poor condition (based on a sample of approximate- Iv 2'-'".. of the total) was (i(-i"(i. while those rated good to excellent comprised 34%. (I'igure 3-4) Surveys of Champaign County streams dating back to 1892 showed that the numbers of species s.inipkd dropped by one-fourth from 1928 to l'^^'^, when modern agriculture systems came into wide use and industrial expansion accelerated. Since 1959, however, Cliampaign County streams have seen revived populations of a few fish species such as the black basses and channel catfish, but poor physical habitat and increased urbaniza- tion limit full recoverv. (Figure ^-S] Source: Sources (>/ Environmental Stress, ENR Office ot Research .ind Planning, 1994

  

Note About Images

Please note that these images are extracted from scanned page images that may have been digitally enhanced for readability - coloration and appearance of these illustrations may not perfectly resemble the original work.

{[es]

FECHA DE PROYECTO: FASE I: 2006 {br}

FASE II: 2007 {br}

FECHA DE OBRA: FASE I: 2007 {br}

FASE II: 2008/2010 {br}

PROMOTOR: SURBISA {br}

SUP. CONSTRUIDA: FASE I:1.577 m² {br}

FASE II: 1.821 m² {br}

PRESUPUESTO DE LIQUIDACIÓN MATERIAL: FASE I: 724.168 €{br}

FASE II: 2.008.536€{br}

 

{La actuación urbaniza un ámbito cuyas condiciones de contorno (zaguanes de acceso a edificación, perfiles de encuentro con otras calles, plataforma de salida del puente peatonal, muro de sostenimiento y escaleras de bajada hacía la Ría, etc...), estaban establecidas de antemano y no resultaba ni posible ni deseable modificarlas. La solución propuesta para la reurbanización de la superficie adopta una geometría compatible con estos condicionantes fijos y centra sus objetivos en la cualificación de los pavimentos y en la modificación de los perfiles transversales para adaptarlos a una sección continua, sin rebajes entre calzada y acera, más acorde con un tráfico restringido de poca intensidad, pero capaz de discriminar e identificar una banda de rodadura para los vehículos que acceden a los aparcamientos existentes o para los vehículos que acceden eventualmente a otros puntos del ámbito.{br} Se ha optado por pavimentos de piedra natural y artificial para las superficies con tráfico peatonal y por un pavimento de hormigón ruleteado para las bandas de rodadura de vehículos.{br} Dado que el carácter predominante de la calle y de la plaza es peatonal, las texturas y colores de ambos tipos de pavimentos son lo más aproximadas posibles para facilitar una percepción unitaria de la superficie urbanizada.{br} Es voluntad del proyecto modificar esta condición espacial hasta conseguir un espacio más unitario, con un carácter estancial de plaza procurando mayor coherencia entre la geometría de la superficie y el volumen contenido entre la envolvente de las edificaciones y los accidentes topográficos.{br} La sección será en este caso significativamente modificada para obtener un perfil transversal continuo.{br} El capítulo de jardinería y arbolado contempla se ha centrado en la plantación de pocos árboles pero de gran porte.} {br}

 

{FOTOS: Nº1,Nº2 {br}

IMB ARQUITECTOS}{br}

  

}

           

{[en]

 

PROJECT DATE:2006 I PART {br}

2007 II PART {br}

WOKS DATE: 2007 I PART {br}

2008/2010 II PART {br}

CLIENT: SURBISA{br}

SURFACE 1.577 m² I PART {br}

1.821 m² II. PART {br}

MATERIAL BUDGET SETTLEMENT: 724.168 € I PART {br}

2.008.536 € II PART{br}

 

{The performance urbanizing an area whose boundary conditions (building access doorways, profiles of encounter with other streets, platform pedestrian bridge output, support wall and down stairs was the estuary, etc ...) were established advance and there was neither possible nor desirable to modify them. The solution proposed for the redevelopment of the area takes a geometry compatible with these constraints fixed and focuses its objectives on the qualification of pavements and the modification of the cross sections to adapt to a continuous section without recesses between roadway and sidewalk, more consistent with traffic restricted to low intensity, but able to discriminate and identify a tread for vehicles entering the existing parking for vehicles entering eventually to other parts of the area.{br} We opted for natural stone flooring and artificial surfaces for pedestrian traffic and a concrete floor rouletting treads for vehicles.{br} Since the predominant character of the street and plaza is pedestrian, textures and colors of both types of pavements are approximate as possible to facilitate a unified perception of the urban area.{br} It will change the condition of the project space until a more unitary, with a character trying plaza estancial greater consistency between the geometry of the surface and the volume contained between the envelope of the buildings and topography.{br} The section will be significantly modified in this case to obtain a continuous cross section.{br} The chapter includes landscaping and trees has focused on planting trees but few large-sized.} {br}

 

{PHOTOS: Nº1,Nº2 {br}

IMB ARQUITECTOS}{br}

  

}

  

{[eus]

PROIEKTU DATA: 2006 I FASEA {br}

2007 II. FASEA{br}

LANAREN DATA: 2007 I FASEA {br}

2008/2010 II. FASEA{br}

SUSTATZAILEA: SURBISA{br}

AZALERA: 1.577 m² I FASEA {br}

1.821 m² II. FASEA

LIKIDAZIO MATERIALAREN AURREKONTUA: 724.168 € I FASEA €{br}

2.008.536 € II. FASEA {br}

{Jarduera honek, aurretik ezarrita eta aldatzeko aukerarik ez zeuzkan eremuak urbanizatzen ditu, hau da, etxeen atari, kaleen arteko gurutzeak, zubira joateko plataforma, euste horma eta errekera abiatzeko eskailerak.{br} Urbanizatzeko proposamena, baldintza finkoaekin bateragarri den geometria, horregatik arreta zolaren kalitatean jartzen da, kale jarrai eta gorabeherarik gabe egotea, trafiko murriztu eta motela potenziatzeko, alegia.{br} Oinezkoen lekuetarako Harri naturala eta artificial hautazen da. Autoen erreiletarako , ordea, lerroz lerroko hormigoizko tirak.{br} Kaleen eta plazaren oinezkoentzat izaera duenez, bertan, zoladuraren kolore eta ehundura unitarioa saiatzen da izaten.{br} Proiektuaren asmoa espazio bateratu bat eratzea. Hori bai, plaza eta kaleen izaera galdu barik, azaleraren geometria eta barnean dagoen bolumenen arteko erlazioa galtzeke.{br} Ebaketak aldaketa jasan ditu, perfil jarraiki bat lortzeko asmoarekin.} {br}

 

{ARGAZKIAK: 1.zkia, 2. zkia{br}

IMB ARQUITECTOS}{br}

   

}

 

Title: Critical trends in Illinois ecosystems

Identifier: criticaltrendsin00illi

Year: 2001 (2000s)

Authors: Illinois. Office of Realty and Environmental Planning; Illinois. Natural History Survey Division; Critical Trends Assessment Program

Subjects: Ecological assessment (Biology); Environmental impact analysis; Nature; Pollution; Conservation of natural resources; Environmental quality

Publisher: Springfield, Ill. : Office of Realty and Environmental Planning : Illinois Natural History Survey

Contributing Library: University of Illinois Urbana-Champaign

Digitizing Sponsor: University of Illinois Urbana-Champaign

  

View Book Page: Book Viewer

About This Book: Catalog Entry

View All Images: All Images From Book

 

Click here to view book online to see this illustration in context in a browseable online version of this book.

  

Text Appearing Before Image:

30 Critical Trends in Illinois Ecosystems The average stream in Illinois disphiyeci only fair habitat quality. Water Chemistry and Temperature Water chemistry can give important clues as to the types of environmental stressors that are affecting a watershed. For example, conductivity increases with greater concentrations of dissolved particles, particularly charged ions, in water. Because it gen- erally increases with greater human population densities, it has been used as an index of urbaniza- tion. (Conductivity can also be higher in streams

 

Text Appearing After Image:

that drain areas with certain types of bedrock.) Dissolved oxygen concentration fluctuates with temperature, organic pollution load, and exposure to sunshine. Hydrogen ion concentration, expressed as pH, usually increases with urbaniza- tion and increasing rates of photosynthesis caused by loss of stream canopy. Water temperatures also tend to be higher in urban and agricultural areas. Streams in the Big Muddy/Cache/Saline and Little Wabash watersheds displayed relatively low conductivity because they drain low nutrient soils, sandy soils, or sandstone bedrock areas. The Fox/Des Plaines and Rock River watersheds had the highest average conductivity; in the former it was largely due to high population densities and associated organic wastes while in the latter high conductivity was due to dissolved ions from dolomite bedrock. Dissolved oxygen was generally high and fully saturated throughout the state. Three of 10 basins demonstrated supersaturated conditions (having more oxygen than predicted for their temperature). This is usually due to high photosyntlictic rates fos- tered by an open canopy. Only the Kaskaskia River basin demonstrated any appreciable reduction from full saturation. Several streams in that water- shed were exceedingly slow flowing, heavily canopied, and received organic wastes from grazing cattle.These conditions reduced oxygen saturation. The pH of streams statewide was slightly alkaline; only the Little Wabash basin scored close to neutral. Stream temperature averaged near 1" C statewide, with the Big Mudd)7Cache/Saline and Sangamon river basins providing the highest average temperatures. Habitat Qualit> Assessment The habitat quality index, modified from the United States Environmental Protection AgencN; provides a numerical measure of human induced physical disturbance as well as the abUirs" of the stream to provide hiding and feeding places for aquatic organisms. CTAP scientists score 12 habitat para- meters that relate to the quality' and width of shoreline vegetation, quantity and quaHr\' of in-stream cover (e.g. coarse mineral and organic substrates and undercut banks), the condition of banks, and relative straightness of the stream course. The index provides a numerical score, rang- ing from zero to 180 points, that increases with stream quality. Actual scores ranged from 25, indi- cating severe landscape and drainage alterations, to 146, indicating an aquatic and riparian resource of the highest quality; The statewide average was 88.6. indicating that the average stream in Illinois displayed only fair habitat qualit)'. Most Illinois streams lack natural habitat features such as wooded riparian (streamside) corridors, winding stream channels (many are channelized), and stable in-stream habitat such as coarse rocks and wood debris (often removed to improve drainage). Highh' agricultural ISIS basins, including the KankakeeA ermilion N./Mackinaw, the Kaskaskia, Rock, Spoon, and Embarras/ Vermilion S. watersheds, scored below the statewide average for habitat qualitA- (Fig. 20). Streams in these areas have been modified to drain row crop fields nipidh'. Tlie Sangamon and Little Wabash basins, on tlie other hand, scored higher than the statewide average because more of their streams are larger and flood-prone, discouraging row crop agriculture close to the streams. Aquatic Insects/Benthic Macroinvertebrates Icixa Richness: llie EFT taxa richness index mea- sures the number of EPT t;ixa (species relatively

  

Note About Images

Please note that these images are extracted from scanned page images that may have been digitally enhanced for readability - coloration and appearance of these illustrations may not perfectly resemble the original work.

As famílias que moram na rua José Bonifácio, na Vila Santa Rita de Cássia, região Centro-Sul, terão mais segurança e até uma área de lazer após a conclusão da obra de urbanização da via, que está sendo executada pela Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), com recursos do Orçamento Participativo (OP). As intervenções começaram em março de 2011e estão previstas para serem concluídas em oito meses. Foto: Breno Pataro

As famílias que moram na rua José Bonifácio, na Vila Santa Rita de Cássia, região Centro-Sul, terão mais segurança e até uma área de lazer após a conclusão da obra de urbanização da via, que está sendo executada pela Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), com recursos do Orçamento Participativo (OP). As intervenções começaram em março de 2011e estão previstas para serem concluídas em oito meses. Foto: Breno Pataro

Taking the sunny day to photograph my city, GOOD MONDAY!

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

Francisco Aragão © 2014. All Rights Reserved.

Use without permission is illegal.

 

Attention please !

If you are interested in my photos, they are available for sale. Please contact me by email: aragaofrancisco@gmail.com. Do not use without permission.

Many images are available for license on Getty Images

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

 

Catalan

El Temple Expiatori del Sagrat Cor és una església situada a la muntanya del Tibidabo, a Barcelona, obra de l'arquitecte Enric Sagnier i Villavecchia i finalitzada pel seu fill Josep Maria Sagnier i Vidal. La seva construcció es perllongà de 1902 a 1961.

La idea de construir un temple al cim de la muntanya del Tibidabo sorgeix a finals del segle XIX davant dels rumors sobre la construcció d'un temple protestant i un hotel-casino, motiu pel qual una "Junta de Cavallers Catòlics" adquireix la propietat del terreny i el cedeix el 1886 a Sant Joan Bosco, de visita llavors a Barcelona invitat per Dorotea de Chopitea, gran mecenes i promotora del projecte. Sorgeix llavors la idea de fer un temple dedicat al Sagrat Cor de Jesús, advocació de moda en aquell temps gràcies a l'impuls del papa beat Pius IX, i seguint la línia del temple construït a Roma pel mateix Bosco (Sacro Cuore di Gesù), així com del famós Sacré-Cœur de París.

El 1886 es construeix una ermita neogòtica, i dos anys més tard, amb motiu de l’Exposició Universal, s'urbanitza la carretera de Vallvidrera i es construeix al costat de l'ermita un pavelló d'inspiració mudèjar, que servia de mirador. Tanmateix, el projecte patirà un important retard a causa sobretot de l'aparició d'un nou projecte per a construir un observatori astronòmic al cim del Tibidabo, que finalment es farà a un turó proper (Observatori Fabra). Finalment, el 28 de desembre de 1902 es col·loca la primera pedra en un acte presidit pel bisbe de Barcelona Salvador Casañas i Pagès.

 

Spanish

El Templo Expiatorio del Sagrado Corazón (en catalán Temple Expiatori del Sagrat Cor) es una iglesia situada en la montaña del Tibidabo, en Barcelona, obra del arquitecto Enric Sagnier i Villavecchia y finalizada por su hijo Josep Maria Sagnier i Vidal. Su construcción se prolongó de 1902 a 1961.

La idea de construir un templo en lo alto de la montaña del Tibidabo surge a finales del siglo XIX ante los rumores sobre la construcción de un templo protestante y un hotel-casino, ante lo que una “Junta de Caballeros Católicos” adquiere la propiedad del terreno, cediéndolo en 1886 a San Juan Bosco, de visita entonces en Barcelona invitado por Dorotea de Chopitea, gran mecenas y promotora del proyecto. Surge entonces la idea de hacer un templo dedicado al Sagrado Corazón de Jesús, advocación de moda en aquel entonces gracias al impulso del papa León XIII, y siguiendo la línea del templo construido en Roma por el propio Bosco (Sacro Cuore di Gesù), así como del famoso Sacré-Cœur de París.

En 1886 se construye una ermita neogótica, y dos años más tarde, con motivo de la Exposición Universal, se urbaniza la carretera de Vallvidrera y se construye al lado de la ermita un pabellón de inspiración mudéjar, que servía de mirador -posteriormente derribado-. Sin embargo, el proyecto sufrirá un importante retraso debido sobre todo a la aparición de un nuevo proyecto para construir un observatorio astronómico en la cima del Tibidabo, que finalmente se hizo en una colina próxima (Observatorio Fabra). Finalmente, el 28 de diciembre de 1902 se coloca la primera piedra en un acto presidido por el obispo de Barcelona, Salvador Casañas i Pagès.

El 29 de octubre de 1961 recibió el título de basílica menor, otorgado por el papa Juan XXIII.

 

English

The Temple Expiatori del Sagrat Cor (Catalan pronunciation: [səˈɣɾat ˈkɔr]; English: Expiatory Church of the Sacred Heart of Jesus, Spanish: Templo Expiatorio del Sagrado Corazón de Jesús) is a Roman Catholic church and minor basilica located on the summit of Mount Tibidabo in Barcelona, Catalonia, Spain. The building is the work of the Spanish Catalan architect Enric Sagnier and was completed by his son Josep Maria Sagnier i Vidal. The construction of the church, dedicated to the Sacred Heart of Jesus, lasted from 1902 to 1961.

 

Wikipedia

 

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

Francisco Aragão © 2014. All Rights Reserved.

Use without permission is illegal.

 

Attention please !

If you are interested in my photos, they are available for sale. Please contact me by email: aragaofrancisco@gmail.com. Do not use without permission.

Many images are available for license on Getty Images

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

 

Catalan

El Temple Expiatori del Sagrat Cor és una església situada a la muntanya del Tibidabo, a Barcelona, obra de l'arquitecte Enric Sagnier i Villavecchia i finalitzada pel seu fill Josep Maria Sagnier i Vidal. La seva construcció es perllongà de 1902 a 1961.

La idea de construir un temple al cim de la muntanya del Tibidabo sorgeix a finals del segle XIX davant dels rumors sobre la construcció d'un temple protestant i un hotel-casino, motiu pel qual una "Junta de Cavallers Catòlics" adquireix la propietat del terreny i el cedeix el 1886 a Sant Joan Bosco, de visita llavors a Barcelona invitat per Dorotea de Chopitea, gran mecenes i promotora del projecte. Sorgeix llavors la idea de fer un temple dedicat al Sagrat Cor de Jesús, advocació de moda en aquell temps gràcies a l'impuls del papa beat Pius IX, i seguint la línia del temple construït a Roma pel mateix Bosco (Sacro Cuore di Gesù), així com del famós Sacré-Cœur de París.

El 1886 es construeix una ermita neogòtica, i dos anys més tard, amb motiu de l’Exposició Universal, s'urbanitza la carretera de Vallvidrera i es construeix al costat de l'ermita un pavelló d'inspiració mudèjar, que servia de mirador. Tanmateix, el projecte patirà un important retard a causa sobretot de l'aparició d'un nou projecte per a construir un observatori astronòmic al cim del Tibidabo, que finalment es farà a un turó proper (Observatori Fabra). Finalment, el 28 de desembre de 1902 es col·loca la primera pedra en un acte presidit pel bisbe de Barcelona Salvador Casañas i Pagès.

 

Spanish

El Templo Expiatorio del Sagrado Corazón (en catalán Temple Expiatori del Sagrat Cor) es una iglesia situada en la montaña del Tibidabo, en Barcelona, obra del arquitecto Enric Sagnier i Villavecchia y finalizada por su hijo Josep Maria Sagnier i Vidal. Su construcción se prolongó de 1902 a 1961.

La idea de construir un templo en lo alto de la montaña del Tibidabo surge a finales del siglo XIX ante los rumores sobre la construcción de un templo protestante y un hotel-casino, ante lo que una “Junta de Caballeros Católicos” adquiere la propiedad del terreno, cediéndolo en 1886 a San Juan Bosco, de visita entonces en Barcelona invitado por Dorotea de Chopitea, gran mecenas y promotora del proyecto. Surge entonces la idea de hacer un templo dedicado al Sagrado Corazón de Jesús, advocación de moda en aquel entonces gracias al impulso del papa León XIII, y siguiendo la línea del templo construido en Roma por el propio Bosco (Sacro Cuore di Gesù), así como del famoso Sacré-Cœur de París.

En 1886 se construye una ermita neogótica, y dos años más tarde, con motivo de la Exposición Universal, se urbaniza la carretera de Vallvidrera y se construye al lado de la ermita un pabellón de inspiración mudéjar, que servía de mirador -posteriormente derribado-. Sin embargo, el proyecto sufrirá un importante retraso debido sobre todo a la aparición de un nuevo proyecto para construir un observatorio astronómico en la cima del Tibidabo, que finalmente se hizo en una colina próxima (Observatorio Fabra). Finalmente, el 28 de diciembre de 1902 se coloca la primera piedra en un acto presidido por el obispo de Barcelona, Salvador Casañas i Pagès.

El 29 de octubre de 1961 recibió el título de basílica menor, otorgado por el papa Juan XXIII.

 

English

The Temple Expiatori del Sagrat Cor (Catalan pronunciation: [səˈɣɾat ˈkɔr]; English: Expiatory Church of the Sacred Heart of Jesus, Spanish: Templo Expiatorio del Sagrado Corazón de Jesús) is a Roman Catholic church and minor basilica located on the summit of Mount Tibidabo in Barcelona, Catalonia, Spain. The building is the work of the Spanish Catalan architect Enric Sagnier and was completed by his son Josep Maria Sagnier i Vidal. The construction of the church, dedicated to the Sacred Heart of Jesus, lasted from 1902 to 1961.

 

Wikipedia

Identifier: victorian929319751976luca

Title: The Victorian naturalist

Year: 1884 (1880s)

Authors: Lucas, A. H. S. (Arthur Henry Shakespeare), 1853-1936 Barnard, F. G. A Field Naturalists' Club of Victoria

Subjects: Natural history Natural history

Publisher: [Melbourne] Field Naturalists Club of Victoria

Contributing Library: Smithsonian Libraries

Digitizing Sponsor: Biodiversity Heritage Library

  

View Book Page: Book Viewer

About This Book: Catalog Entry

View All Images: All Images From Book

 

Click here to view book online to see this illustration in context in a browseable online version of this book.

  

Text Appearing Before Image:

Plate 3. Microliths from the site; actual size.JulyAugust 135 ^^^^^^ ^^^pQhIhHIIhBBk 1 : 1^ Plate 4. Trapezes, points, and triangle from the site; actual size. been found at the site. They include stone materials used in their manu-segments, trapezes, scrapers, flakes, facture were fine and coarse-grainedand Bondi points. The main types of quartzite, quartz and chert.

 

Text Appearing After Image:

Plate 5. Microliths from the site; actual size136 Vict. Nat. Vol. 93 The microliths from the site are par-ticularly interesting as they cover alarge range of types and sizes. Plate 3shows a group of segments. On the ex-treme right, top row, is a sturdy speci-men 30 mm long, while another ex-ample at extreme left, bottom row, isonly 11 mm long. The trapezes in Plate 4 range inlength from 29 mm to 12 mm. An in-teresting microlith in this group is thetriangle, extreme right, bottom row;triangles are seldom found on thePeninsula. Top left is a fine exampleof a Bondi point; it is 24 mm long. Plate 5 illustrates the disparity inthe sizes of geometric microHths. Topright, is a very chunky type of seg-ment, 17 mm high. The specimen onthe extreme right, second row, is18 mm long and only 2 mm thick; itshows signs of great age. The segmenton the left, bottom row, is only 10 mmlong. Conclusion The sand dune upon which the mainworkshop area of the camp was situated has now gone; the urbaniza-tion

  

Note About Images

Please note that these images are extracted from scanned page images that may have been digitally enhanced for readability - coloration and appearance of these illustrations may not perfectly resemble the original work.

Uma intervenção de urbanização em andamento na Vila Estrela, no Aglomerado Santa Lúcia, na região Centro-Sul da capital, vai propiciar melhores condições de habitação e acessibilidade para centenas de moradores da comunidade. O projeto prevê a construção de 48 apartamentos para reassentamento de famílias removidas do trecho de obras, a urbanização do beco H, que passará a ser uma rua veicular e será ligado à rua Brasília, além da recuperação de parte da encosta existente no interior da área de preservação ambiental existente na vizinhança. A nova via, que terá uma extensão de 200 metros, vai contar com pavimentação asfáltica, redes de água e de esgoto, drenagem e iluminação pública. Foto Pedro Veríssimo

Uma intervenção de urbanização em andamento na Vila Estrela, no Aglomerado Santa Lúcia, na região Centro-Sul da capital, vai propiciar melhores condições de habitação e acessibilidade para centenas de moradores da comunidade. Os futuros moradores do residencial vão desfrutar de uma bonita vista panorâmica da Barragem Santa Lúcia e de bairros do entorno. Segundo a engenheira civil da Diretoria de Obras da Urbel, Rozilayne Aniceto, a edificação dos prédios exigiu a construção de várias contenções. “Diversas famílias moravam em uma situação de risco alto de deslizamento, geralmente em moradias precárias e enfrentando muita dificuldade de locomoção porque os becos de acesso eram estreitos e inseguros”, disse. Foto Pedro Veríssimo

As famílias que moram na rua José Bonifácio, na Vila Santa Rita de Cássia, região Centro-Sul, terão mais segurança e até uma área de lazer após a conclusão da obra de urbanização da via, que está sendo executada pela Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), com recursos do Orçamento Participativo (OP). As intervenções começaram em março de 2011e estão previstas para serem concluídas em oito meses. Foto: Breno Pataro

Uma intervenção de urbanização em andamento na Vila Estrela, no Aglomerado Santa Lúcia, na região Centro-Sul da capital, vai propiciar melhores condições de habitação e acessibilidade para centenas de moradores da comunidade. A realização do empreendimento exigiu a remoção de 83 famílias. Até agora, 66 delas já deixaram o local. De acordo com a psicóloga e técnica social da Divisão de Reassentamento da Urbel, Adriana Gonçalves Fleury, várias moradias estavam em situação de risco alto de deslizamento. A técnica, que é responsável pelo trabalho de abordagem das famílias, acrescentou que 44 famílias receberam indenização da benfeitoria, 26 optaram pelo apartamento, duas já foram reassentadas no Residencial Janaúba e duas adquiriram nova moradia pelo Proas. Foto Pedro Veríssimo

Uma intervenção de urbanização em andamento na Vila Estrela, no Aglomerado Santa Lúcia, na região Centro-Sul da capital, vai propiciar melhores condições de habitação e acessibilidade para centenas de moradores da comunidade. Os seis prédios, de três andares, possuem oito apartamentos cada. Já em fase de alvenaria, a maior parte das edificações se encontra na terceira laje. “As unidades habitacionais têm dois quartos e uma área construída de 45 metros quadrados”, comentou Rozilayne. Ela acrescentou que os condôminos também vão dispor de área coletiva para estacionamento. Foto Pedro Veríssimo

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Uma intervenção de urbanização em andamento na Vila Estrela, no Aglomerado Santa Lúcia, na região Centro-Sul da capital, vai propiciar melhores condições de habitação e acessibilidade para centenas de moradores da comunidade. O empreendimento conta com recursos aprovados no Orçamento Participativo e está sendo executado pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel). Foto Pedro Veríssimo

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Com 16 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 34/2019, do vereador Fernando Pegorini (Progressistas), assim como a Emenda Substitutiva nº 1 ao PLO 34/2019, dos vereadores Fernando Pegorini e Marcelo Werner (PCdoB). O PLO proÃ-be a inauguração de obras públicas incompletas, ou que não atendam ao fim a que se destinam.

 

Pelo PLO são consideradas obras públicas incompletas aquelas que não estão aptas a entrar em funcionamento por não preencherem as exigências do Código de Obras Municipal, do Código de Posturas Municipal e do Código de Parcelamento, Zoneamento e Uso do Solo Municipal, bem como às normas relativas à acessibilidade, e demais legislações e documentações correlatas.

 

Também não poderão ser inauguradas obras sem as condições mÃ-nimas de funcionamento pela falta de profissionais para que a unidade possa funcionar adequadamente; falta de materiais de uso contÃ-nuo, necessário à finalidade do estabelecimento e a falta de equipamentos imprescindÃ-veis ao funcionamento da unidade.

  

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

 

Com 18 votos, em segunda discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos). O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 18 votos, e segunda discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 11 votos favoráveis e oito contrários, em segunda discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

O Poder Executivo deverá divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

 

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em segunda discussão com 17 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 18 votos favoráveis e em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

  

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 18 votos favoráveis, foi aprovado em segunda discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

 

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race. O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em segunda discussão com 18 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI). O projeto será encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto obriga divulgação de equipamento que interrompe sucção em piscinas

Em segunda discussão e com 18 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento. O Projeto será encaminhado para a sanção do prefeito.

  

Aprovado Dia Municipal dos Desbravadores

Com 16 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, de autoria do vereador Marcelo Werner (PCdoB). O projeto institui o Dia Municipal dos Desbravadores, que será comemorado anualmente no terceiro sábado de setembro.

 

Segundo o projeto, o grupo demonstra um modelo espiritual e social a ser seguido, diminuindo a lacuna entre gerações, aproximando pais e filhos, promovendo o crescimento pessoal, ensinando cidadania, lealdade, desenvolvimento fÃ-sico, cultural e espiritual.

 

Além do projeto, foi aprovado ainda a Emenda Supressiva nº 1 ao Projeto de Lei Ordinária nº 64/2019, também de autoria do vereador Marcelo Werner, que retira o parágrafo único do texto original do projeto.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

OlÃ-mpio Gadotti é homenageado com nome de rua

 

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em única discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 227/2019, do vereador Marcelo Werner (PCdoB), que denomina de OlÃ-mpio Gadotti, rua do bairro Limoeiro, próxima a ponte sobre o Rio ItajaÃ--Mirim.

OlÃ-mpio Gadotti foi um homem querido pela comunidade, sempre participando das atividades religiosas do bairro. Trabalhou por muitos anos como motorista de caminhão na antiga casa do rádio. Faleceu aos 74 deixando um legado de companheirismo e solidariedade.

 

Requerimentos

 

Vereador faz questionamentos sobre UPA do Bairro Cordeiros

O vereador Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) é o autor do Requerimento nº 269/2019, aprovado com 17 votos favoráveis. O parlamentar faz questionamentos ao prefeito sobre o atendimento na UPA do Bairro Cordeiros. Entre as perguntas estão: conforme a lei que criou o Serviço Municipal de Plantão (Serplan), quantos médicos estão disponÃ-veis para o pronto atendimento da população? Os médicos plantonistas do Serplan cumprem as escalas de trabalho? Os médicos plantonistas estão cumprindo o número mÃ-nimo e máximo de atendimentos por hora? Quem faz este controle? Por que mesmo após a implantação do Serviço Municipal de Plantão, a UPA de Cordeiros continua com reclamações em relação a morosidade nos atendimentos?

 

Vereador solicita companhia da PolÃ-cia Militar no Cordeiros

De autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado o Requerimento nº 284/2019, com 17 votos favoráveis. O parlamentar solicita ao Governo do Estado de Santa Catarina, ao Comando Geral da PolÃ-cia Militar e à Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a instalação de uma companhia da polÃ-cia Militar no bairro Cordeiros.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.

Em primeira discussão e com 15 votos favoráveis foi aprovado o Projeto Substitutivo 1/2019 â Projeto de Lei Ordinária 164/2017, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas). O Projeto dispõe sobre a obrigatoriedade de divulgação do equipamento que interrompe o processo de sucção em piscinas.

 

O texto determina que as piscinas instaladas em ItajaÃ- deverão conter em seu entorno a informação de que possuem sistema de segurança para a interrupção do processo de sucção. Além disso, as empresas que comercializam e fazem a manutenção de equipamentos para a interrupção do processo de sucção devem fixar em seus estabelecimentos comerciais a informação da obrigatoriedade de adoção dos procedimentos de segurança.

 

Entre as penalidades para quem descumprir a lei estão notificação, multa e até cassação do alvará de funcionamento.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

[82ª Sessão Ordinária] Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmaraâ

O Projeto de Resolução nº 17/2019, de autoria do vereador FabrÃ-cio Marinho (Cidadania), foi aprovado em primeira discussão com 16 votos favoráveis. O Projeto cria a Procuradoria Especial da Mulher na Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

Entre as competências da Procuradoria Especial da Mulher estão receber, avaliar e proceder as investigações e denúncias relativas à s ameaças dos interesses e direitos da mulher; colaborar com entidades nacionais e internacionais que atuem na defesa dos interesses e dos direitos da mulher; pesquisar e estudar a situação das mulheres no municÃ-pio de ItajaÃ-; entre outras.

 

A Procuradoria Especial da Mulher será composta, preferencialmente por vereadoras. Caso não haja vereadoras eleitas, os cargos serão ocupados por vereadores indicados pela Mesa Diretora.

 

Na mesma sessão também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 ao Projeto de Resolução nº 17/2017, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A emenda tem a intenção de melhorar a técnica legislativa, com foco na uniformidade do texto regimental.

 

Aprovada mudança de nomenclatura em cargo

Com 15 votos favoráveis, foi aprovado em primeira votação o Projeto de Lei Ordinária nº 73/2018, do Executivo Municipal. O projeto altera o Anexo I da Lei nº 6.438/2013, no que se refere à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda. A função gratificada de Agente de Desenvolvimento Local passa a ser denominada Supervisor de Gestão Técnica da Secretaria.

 

Já as atribuições do cargo passam a ser: supervisionar as atividades gerais da gestão técnica da secretaria e ao secretário ou secretária da pasta. Além de auxiliar na obtenção de dados secundários estatÃ-sticos relacionados ao mercado de trabalho formal do municÃ-pio de ItajaÃ-. De acordo com o Executivo, as alterações visam atender o novo programa de trabalho da Secretaria. O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto inclui informações no carnê do IPTU

Com 15 votos, em primeira discussão, foi aprovado o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 9/2019, do vereador NÃ-kolas Reis (Podemos), assim como a Emenda Substitutiva nº1 ao PLO 9/2019. O objetivo é incluir informações no carnê do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), com a finalidade de trazer mais transparência aos contribuintes.

 

Com a aprovação, a cada exercÃ-cio, nos carnês do IPTU deverá sempre constar o valor global do imposto para o referido ano. Os limitadores de 15% e 20%, bem como os descontos para pagamento à vista ou outros que por lei venham a ser criados, deverão constar abaixo, que fique consignado o valor que efetivamente será recolhido.

 

O projeto passará por mais uma votação e na sequência encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza orçamento para implantação de Praça da Antiga Inspeção Portuária

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com 15 votos favoráveis e em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 231/2019. O projeto acrescenta ao Plano Plurianual (PPA) para o Quadriênio 2018-2021, Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2019 a ação para Implantação de Praça da Antiga Inspetoria Portuária. O projeto também autoriza a abertura de crédito adicional suplementar especial de até R$ 496,4 mil para a Superintendência do Porto de ItajaÃ-.

 

Segundo o projeto, a abertura do crédito é necessária para atender o Convênio 2/2019, firmado entre a Superintendência do Porto de ItajaÃ-, o Serviço Municipal de Ãgua, Saneamento Básico e Infraestrutura (Semasa) e a Prefeitura de ItajaÃ- para urbanização e implantação da praça no encontro da Rua Silva e Avenida prefeito Paulo Bauer.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto adequa nomenclaturas no orçamento do Fundo Municipal de Saúde

Com 14 votos favoráveis, foi aprovado em primeira discussão o Projeto de Lei Ordinária nº 238/2019, de autoria do Executivo Municipal. O projeto altera no Plano Plurianual (PPA) 2018-2021 e na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) as nomenclaturas a serem utilizadas pelo Fundo Municipal de Saúde, além de criar uma nova ação para manutenção de polÃ-ticas de atenção ao idoso, no orçamento da Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza abertura de crédito adicional para Secretaria Municipal de Turismo e Eventos

O Projeto de Lei Ordinária nº 242/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$1,8 milhão para atender as despesas da Secretaria Municipal de Turismo e Eventos. Os recursos serão utilizados para pagamentos de despesas relacionadas ao contrato assinado com a The Ocean Race.

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto autoriza crédito adicional para Secretaria de Promoção da Cidadania e Fundo de Saúde

O Projeto de Lei Ordinária nº 252/2019, de autoria do Executivo Municipal, foi aprovado em primeira discussão com 15 votos favoráveis. O projeto autoriza a abertura de crédito adicional suplementar de até R$729,6 mil para atender as despesas da Secretaria de Promoção da Cidadania e do Fundo Municipal de Saúde.

 

Os recursos serão utilizados para o pagamento de bolsas de estudos no ensino superior, da folha de pagamento e do Instituto de Previdência de ItajaÃ- (IPI).

 

O projeto vai passar por uma segunda discussão e, se for aprovado, encaminhado ao Executivo Municipal para sanção do prefeito.

 

Projeto estabelece prazo para defesa oral de projetos rejeitados por comissão

Foi aprovado com 16 votos, em primeira discussão, o Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria do vereador Rubens Angioletti (PSB). O Substitutivo altera o parágrafo 3º, do Art. 63, do Regimento Interno da Câmara de Vereadores de ItajaÃ-.

 

O texto estabelece prazo de 15 dias, prorrogáveis por igual perÃ-odo, para o autor de projeto que recebeu parecer contrário da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final realizar a defesa oral da propositura.

 

Também foi aprovada a Emenda Substitutiva nº 1 - Projeto Substitutivo nº 8/2019 â Projeto de Resolução nº 6/2019, de autoria da Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. A Emenda substitui o prazo de 15 dias por 15 dias úteis.

 

O Projeto ainda passará pela segunda votação.

 

Projeto autoriza MunicÃ-pio a contratar empréstimo de R$ 5 milhões

De autoria do Executivo Municipal, foi aprovado com nove votos favoráveis e cinco contrários, em primeira discussão, o Projeto de Lei Ordinária (PLO) nº 140/2019. O PLO autoriza o MunicÃ-pio a contratar operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de até R$ 5 milhões.

 

Os recursos serão destinados para viabilizar a contratação de empresa de prestação de serviços técnicos especializados de engenharia cartográfica, visando a cobertura fotogramétrica, perfilamento a laser, atualização cadastral imobiliária e implantação de Sistema de Informação Geográfica (SIG) para o MunicÃ-pio de ItajaÃ-, para atender as necessidades de manutenção da base de dados geográfica cadastral.

 

Também foi aprovada a Emenda Aditiva nº 1 â Projeto de Lei Ordinária nº 140/2019, de autoria do vereador Robison Coelho (PSDB), que adiciona dispositivo de transparência ao PLO. O objetivo é obrigar o Poder Executivo a divulgar no Portal da Transparência as principais informações sobre o andamento das ações realizadas por meio da operação de crédito.

 

O Projeto passará pela segunda votação e, se aprovado, será encaminhado para a sanção do prefeito.

 

Moção

 

Bombeiros recebem moção pelo projeto Golfinho

 

A Câmara de vereadores de ItajaÃ- entregou na noite desta quinta-feira (5) a Moção nº 38/2019 Reconhecimento e Congratulações ao 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de ItajaÃ-, pela realização do Projeto Golfinho, programa de atividades educativas em segurança nas praias. A homenagem foi proposta pelo vereador Rubens Angioletti (PSB) e aprovada por todos os parlamentares presentes.

 

Desde 1998, o 7º Batalhão desenvolve o Projeto Golfinho nas praias da cidade durante a temporada de verão. Nos últimos cinco anos, 6150 crianças e adolescentes entre 9 e 13 anos foram instruÃ-das com atividades educativas em segurança nas praias. Em ItajaÃ-, as atividades são desenvolvidas na Atalaia, Cabeçudas e Brava. As aulas são gratuitas e têm duração de quatro dias, com instruções de prevenção e conscientização sobre os perigos do mar, cidadania e meio ambiente.

 

Requerimentos

 

Vereadora pede informações sobre denúncias de maus-tratos a animais

De autoria da vereadora Renta Narcizo (SD), foi aprovado com 11 votos, o Requerimento nº 266/2019. A vereadora solicita ao Instituto Cidade Sustentável as seguintes informações: quantas denúncias de maus-tratos a animais o Instituto recebeu em 2019 e quantas foram solucionadas; em denúncias realizadas pelo site, como o munÃ-cipe é informado do resultado; como é feita a averiguação e quantos fiscais são responsáveis por essas denúncias; quantas multas por maus-tratos foram aplicadas em 2019; se já existe ou há projeto para ação de conscientização contra os maus-tratos; os animais domésticos são considerados filhotes até um ano, diante disso em que instrumento legal está baseado o recolhimento somente de filhotes até 45 dias pelo MunicÃ-pio e se os animais tiverem mais que 45 dias, como o munÃ-cipe deve proceder.

 

Vereador pede informações sobre ações com pessoas em situação de rua

De autoria do vereador Murilo Pereira (Progressistas), foi aprovado o Requerimento nº 267/2019 com 10 votos favoráveis. O vereador solicita ao prefeito e à Secretaria Municipal de Assistência Social as seguintes informações: se o Plano de Atenção a Pessoas em Situação de Rua foi colocado em prática; em caso de resposta positiva, quais as ações foram realizadas pelo Plano; qual a maior dificuldade na abordagem social e quantas abordagens foram realizadas pela comissão. Por fim, o vereador pergunta se existe parceria com outras secretarias para a realização das ações.

 

Vereador solicita informações sobre obras e contratos da Prefeitura

Com 13 votos, foi aprovado o Requerimento nº 268/2019, do vereador Robison Coelho (PSDB), para que o Executivo repasse as seguintes informações e documentos: relação dos empréstimos, financiamentos, parcelamentos de dÃ-vidas ou operações de crédito congêneres, contraÃ-dos pelo MunicÃ-pio de ItajaÃ- e ainda vigentes; detalhamento de todas as operações descritas na alÃ-nea âaâ, contendo valor total contratado; valores já liberados pelo órgão credor; valores já pagos; parcelas a vencer (previsão de valores e datas) e taxas de juros aplicadas; cópia do contrato e anexos relativos ao contrato internacional celebrado junto ao Fonplata, o cronograma de obras e ações previstas na época desta contratação e estes mesmos dados atualizados.

 

Vereador pede ampliação do IGP de ItajaÃ-

Com 15 votos favoráveis foi aprovado o Requerimento nº 270/2019, de autoria do vereador Calinho Mecânico (Progressistas). O parlamentar pede do Governo do Estado de Santa Catarina, à Assembleia Legislativo do Estado de Santa Catarina e à Secretaria de Segurança Pública do Estado de Santa Catarina a ampliação do Instituto Geral de PerÃ-cias (IGP) de ItajaÃ-. A reivindicação é para que o Instituto também passe a realizar no municÃ-pio exames médico-periciais de necropsias.

 

Vereador questiona possibilidade de construção de uma praça na Localidade do Votorantim

O Requerimento nº 271/2019, de autoria do vereador Paulinho da Tecno Sul (PSDB), foi aprovado com 14 votos favoráveis. O parlamentar faz perguntas ao prefeito sobre a possibilidade de construção de uma praça no Bairro Cordeiros. Entre os questionamentos estão: o MunicÃ-pio de ItajaÃ- possui áreas de sua propriedade na localidade do Votorantim? Há possibilidade de construção de uma praça com academia ao ar livre e áreas de lazer em algum destes terrenos públicos? Há projetos em andamento para construção de uma praça nesta localidade?

 

Vereador reivindica instalação de Cartório de Notas no Bairro Cordeiros

O Requerimento nº 197/2019, de autoria do vereador Tonho da Grade (Progressistas), foi aprovado com 11 votos favoráveis. O parlamentar pergunta ao presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina se há possibilidade de instalação de um Cartório de Notas no Bairro Cordeiros ou a transferência de endereço de algum já existente para atendimento na localidade.