new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Quarta Sunset " Lagoa da Pampulha "Mensagem de Seth" | by mallmix ((OFF))
Back to photostream

Quarta Sunset " Lagoa da Pampulha "Mensagem de Seth"

Mensagem de Seth

 

Do filme "Cidade dos anjos"

  

Sou feito de sentimentos, emoções, de luz, de amor. Sou a voz que você ouve quando pede um conselho, sou quem te toma nos braços quando necessita, talvez, agora, enquanto lê essas palavras, eu esteja aí, ao seu lado, olhando dentro dos seus olhos como quem quisesse enxergar o que teu coração demonstra, mais tarde… à noite, quando você se deita… sou quem nina seus sonhos sentados ao seu lado esperando você dormir… dizendo que tudo vai ficar bem.

Se ao menos você pudesse me perceber, se notasse o que sinto ao seu lado… basta você querer, basta por alguns instantes esquecer seus problemas, fechar os olhos, como se nada mais existisse, me deixe chegar perto de ti… abraçando-te… sinta meu coração batendo ao compasso do teu… sinta que não está sozinha, nunca esteve!Apenas esqueceste de olhar mais com os olhos do teu coração… então abra os olhos… veja os meus… conheça-me.

Quem sou eu pra pedir para que me note?Apenas um anjo que se deixa levar por suas emoções, que desconhece o que é errado… se entrega se rende… vagando por estrelas, nuvens, pelo céu escuro da noite… olhando pelos outros, despertando amores, anseios, paz nas almas que fraquejam sentados ali de cima olhando você… observando-te… deixando, às vezes, uma lágrima cair e se fazer uma gota de sereno que te toca os lábios… lágrima essa por não poder nada mais que apenas te ver… sentir sem poder tocar.

Manifestando através de pequenas coisas, como um sorriso sincero nos lábios de alguém que você não conhece o toque de uma criança a te fazer carinho, palavras escritas nas páginas de um livro que te chamam atenção, palavras que mexem e emocionam o coração dito do nada, como um sussurro em seu ouvido… e se um dia uma brisa leve e suave tocar seu rosto, não tenha medo, é apenas minha saudade que te beija em silêncio.

Os humanos têm um hábito muito peculiar de julgar seus semelhantes por sua aparência, de rotular pessoas as quais nunca viram… apenas pelo modo como ela se apresenta… porém, consigo ver dentro de cada um o que realmente são… e me assusto algumas vezes em como podem os humanos deixar-se levarem por embalagens, por invólucros…deixam de terem muitas vezes ao seu lado verdadeiros tesouros,amizade sincera, lealdade, companheirismo…simplesmente por não terem gostado do rosto do indivíduo.Imagine uma roseira cheia de espinhos,ninguém acreditaria que dela pudesse brotar uma rosa tão bela,sensível e delicada.

É do interior que nascem as flores.Pude conhecer seu interior…me deparei com uma flor linda…e com muitas qualidades.Se preserve assim…muitas vezes é melhor sermos o que realmente somos…a viver como as pessoas acham que deveríamos ser…Não existe ninguém melhor, ou pior que ninguém…apenas diferentes umas das outras e essas diferenças são que mostram quem realmente você é.Fico assim… dizendo as coisas que me aparecem dentro do peito,contando o que se passa em mim, como se estivesse desabafando…pois Deus nos fez para cuidar dos outros…e quem cuidará de nós?

Continuarei aqui… meio que escondido, ao teu lado, te olhando, te sentindo… esperando para que um dia você deixe seu coração “olhar” e me ver… daí, enfim, poderia eu mostrar o quanto você é especial pra mim.Um poema deixado no ar,palavras implorando para viver como uma estrela que o dia não vê e que espera a noite chegar para poder mostrar-se,a canção de amor que sai da sua boca…são as coisas que sempre sussurro ao seu coração,tento traduzir emoções que nunca senti antes,algo realmente novo pra mim,paz, atração, paixão, amor,algo especial…sincero…verdadeiro.

  

Message of Seth

Of the film “City of the angels”

 

I am made of feelings, emotions, of light, love. I am the voice that you hear when an advice asks for, I am who takes you in the arms when he needs, perhaps, now, while he reads these words, I am there, to its side, looking at inside of its eyes as who wanted to deserves later what your heart demonstrates,… at night, when you lie down yourself… you are who you sing to sleep its dreams seated to its side waiting you to sleep… saying that everything goes to be well. If the least you could perceive me, if it noticed what I feel to its side… is enough you to want, is enough per some instants to forget its problems, to close the eyes, as if nothing more it existed, leaves me to arrive close to you… hugging you… feels my heart beating to the compass of yours… feels that she is not alone, never was! But you forgot to look at more with the eyes of your heart… then opens the eyes… sees mine… knows me. Who am I about to ask for so that he notices me? But an angel who if leaves to lead for its emotions, that are unaware of what delivery is missed… if relieves… becoming vacant for stars, clouds, for the dark sky of the night… looking at for the others, to awaken loves, yearnings, peace in the souls that to weaken there seated from above looking at you… observing you… leaving, to the times, a tear to fall and if to make a night watchman drop who touches you the lips… tear this for not being able nothing more than only to see you… to feel without being able to touch. Revealing through small things, as a sincere smile in the lips of that you do not know the touch of a child to make you affection, words written in the pages of a book that calls you attention, words that move and move the said heart of the nothing, as a whisper in its ear… and if one day a light and soft breeze to touch its face, does not have fear, is only my homesickness that kisses you in silence. The human beings have a very peculiar habit to judge its fellow creatures for its appearance, friction people which never they turn… only for the way as it presents itself… however, I obtain to inside see of each one what they really are… and I scare some times in as the human beings can leave themselves to lead for packing’s, for packs… leave to have many true times to its side treasures, sincere friendship, loyalty, fellowship… simply for not having liked it face it individual. A rambler full of thorns imagines, nobody would believe that of it a so beautiful rose could sprout, sensible and delicate. It is of the interior that is born the flowers. I could know its interior… I came across myself with a pretty flower… and many qualities. If it preserves… many times thus is better to be what we really are… to live as the people find that we would have to be… better does not exist nobody, or worse that nobody… only different one of the others and these differences are that they really show who you is. I am thus… saying the things that me appear inside of the chest, counting what it is transferred in me, as God was relieving itself… therefore in made them to take care of the others… and who will take care of us? I will continue… half here that hidden, to your side, looking at you, feeling you… waiting so that one day you leaves its heart “to look at” and to see me from there…, at last, it could I show how much you about is special me. A poem left in air, words begging to live as a star that the day does not see and that it waits the night to arrive to be able to reveal, the love song that leaves its mouth… are the things that always whisper to its heart, I try to translate emotions that never I felt before, something really new about me, peace, attraction, passion, love, something special… sincere… true.

 

br.youtube.com/watch?v=Z-Lm9aZ-ATQ&eurl=http://br.tru...

  

21,730 views
138 faves
2,242 comments
Taken on July 19, 2009