new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Beleza | by Eliana Lúcio
Back to photostream

Beleza

Desde sempre parece que ele fora proposto a pássaro.Mas não tinha preparatórios de uma árvore Pra merecer no seu corpo ternuras de gorjeios. Ninguém de nós, na verdade, tinha força de fonte. Ninguém era início de nada. A gente pintava nas pedras a voz. E o que dava santidade às nossas palavras era a canção do ver! Trabalho nobre aliás mas sem explicação Tal como costurar sem agulha e sem pano. Na verdade na verdade Os passarinhos que botavam primavera nas palavras.

 

(Monoel de Barros)

285 views
3 faves
7 comments
Taken on August 5, 2012