new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Beija-flor Tesoura (Eupetomena macroura) - Swallow-tailed Hummingbird 14 133 - 10 | by Flávio Cruvinel Brandão
Back to group

Beija-flor Tesoura (Eupetomena macroura) - Swallow-tailed Hummingbird 14 133 - 10

Um Beija-Flor Nunca Esquece

A Hummingbird never forget.

 

beijaflor.gif

 

Classicamente, os elefantes têm levado a fama de "reis da memória" do mundo animal. Agora, entretanto, um animal muito menor está ameaçando esta crença popular: o beija-flor.

O beija-flor parece ser capaz de manter um registro de múltiplos aspectos das suas visitas a pelo menos oito flores diferentes durante vários dias, demonstrando um tipo de memória que tem sido classicamente atribuída apenas a humanos.

Estudos anteriores demonstraram que aves, ratos, e primatas podem lembrar onde eles viram um ítem ou evento, mas não está claro se eles podem lembrar quando o viram.

A questão do tempo é importante para o beija-flor, pois se ele retorna muito cedo à flor, ela pode ainda estar vazia; se ele volta muito tarde, outro beija-flor já pode ter sugado o néctar.

Biólogos da Universidade de Edinburgo testaram a memória do beija-flor. Usando oito flores artificiais, eles testaram três beija-flores selvagens machos nas Montanhas Rochosas Canadenses.

Os pássaros foram capazes de reconhecer a diferença entre as flores que eram reabastecidas com néctar a intervalos de 10 e 20 minutos, lembraram onde as flores estavam, e recordaram quando as haviam drenado por último. Na maior parte do tempo, os três pássaros retornavam às flores pouco depois que elas eram reabastecidas, e eram capazes de memorizar com precisão todas as suas visitas às flores ao longo do dia. Esse trabalho foi publicado da edição de 7 de março de 2006 da revista Current Biology.

Esses achados são ainda mais interessantes pois pensa-se que apenas os humanos têm memória de experiências pessoais únicas (memória autobiográfica), o que tem sido considerado um elemento-chave para a criação do sentido do "eu" (self). Se estudos futuros mostrarem que os beija-flores também podem se lembrar da qualidade do néctar, isso poderia por em dúvida a visão de que apenas humanos têm esse sentido, diz o psicólogo Jonathon Crystal da Universidade de Geórgia, Atenas.

Link para o trabalho completo na Current Biology

www.sciencedirect.com/science?_ob=ArticleURL&_udi=B6V...

Link para essa notícia no site da revista Science

3,265 views
12 faves
18 comments
Taken on March 23, 2006