new icn messageflickr-free-ic3d pan white

Guindaste, dança e outono

"Espero. Saindo da névoa rosa que o envolve, um objeto aparece e me toca. Inerte, encerrado na matéria estranha que me envolve, não posso recuar nem desviar-me, e ainda estou sendo tocado. Minha prisão está sendo provada, eu sinto esse contato como uma mão, e a mão me recria. (...) Na carícia daqueles dedos hesitantes, meus lábios e faces emergem do vazio e, quando a carícia prossegue, tenho um rosto, a respiração move meu peito... (...) um rosto aparece diante de mim, um rosto que eu nunca antes havia visto, misterioso e conhecido ao mesmo tempo. Esforço-me por encontrar seu olhar, mas não posso me impor qualquer direção, e nos descobrimos mutuamente, sem qualquer esforço de vontade, num silêncio absorto." (Stanisław Lem, Solaris)

748 views
6 faves
0 comments
Taken on May 19, 2010