flickr-free-ic3d pan white

Cai a tarde

“Marquei caminhos a casco,

força de bois e cavalos,

aguaceiros, sóis e poeira,

passando buenos e malos...

Tino campeiro é saber

guardar lonjuras no olhar,

ouvir o som dos silêncios

quando a saudade apertar...”

 

Trecho de “No rumo das casas”, de Miguel Cimirro

Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil

 

5,853 views
75 faves
133 comments
Taken on June 5, 2007