SOBRAL DE MONTE AGRAÇO
Sobral de Monte Agraço

Município português, pertencente ao distrito de Lisboa, compreendendo 3 freguesias (Santo Quintino, Sapataria e Sobral de Monte Agraço). Em termos demográficos, a população, em 1991, era constituída por cerca de 7200 residentes para uma área bruta de 52 km2 e a variação da população residente entre 1960 e 1991 foi de -6%.

A economia municipal assenta na agro-pecuária, silvicultura, indústria alimentar, comércio retalhista, serviços privados e públicos, restauração, destacando-se ainda o papel da administração local.

Localizada a sudeste da cidade de Torres Vedras e a noroeste da vila de Arruda dos Vinhos, a vila de Sobral de Monte Agraço é sede de município e registava uma população de cerca de 1500 residentes em 1991.

património

O património edificado mais importante inclui a igreja matriz (quinhentista), o que resta da igreja do Salvador (do século XIII), a igreja de São Quintino (dos séculos XVI-XVIII, com pórtico manuelino, azulejaria valiosa e pintura quinhentista), e a igreja de Nossa Senhora da Purificação (quinhentista), em Sapataria.

história

O foral foi atribuído por D. Manuel I em 1519. É vila, pelo menos, desde 1527.

Em Arranhó, ainda existem vestígios de um forte que fazia parte das chamadas linhas de Torres Vedras, o conjunto de fortificações erguidas no início do século XIX para travar o avanço das tropas francesas durante as invasões napoleónicas.
40 photos · 6,853 views