new icn messageflickr-free-ic3d pan white
Palácio de S. Bento-Lisboa | by Paty_2000
Back to photostream

Palácio de S. Bento-Lisboa

O Palácio de São Bento, também conhecido por Assembleia da República, é um enorme edíficio de estilo neoclássico situado em Lisboa, sendo a sede do Parlamento Português desde a dissolução das ordens religiosas em 1834. Foi construído em finais do século XVI como mosteiro beneditino (Mosteiro de S. Bento da Saúde).

 

Ao longo dos séc. XIX e séc. XX foi sofrendo uma série de grandes obras de remodelação interiores e exteriores, o que tornou o edifício actual quase completamente distinto do antigo Mosteiro.

 

O interior é igualmente grandioso, repleto de alas e de obras de arte de diferentes épocas da história de Portugal.

 

Depois da implantação do regime liberal tornou-se sede do Parlamento e passou a ser conhecido por Palácio das Cortes.

 

Conforme a denominação oficial do parlamento, também o palácio teve várias denominações: Palácio das Cortes, Palácio do Congresso e Palácio da Assembleia Nacional. Actualmente adoptou-se a designação de Palácio de S. Bento em memória do antigo convento, sendo a sede da Assembleia da República.

 

Nas traseiras do edifício principal, em terrenos outrora do Mosteiro, situa-se um palacete mandado construir em 1877 por Joaquim Machado Cayres para sua residência. Durante o Estado Novo em 1937 este foi adquirido pelo Estado através de expropriação, para nele instalar a Residência Oficial do Presidente do Conselho de Ministros que embora se tenha mudado em 1938 só um ano mais tarde, em Abril de 1939 processa a inauguração oficial do novo uso do palacete.

 

Este continua ainda hoje a ser a residência oficial do Primeiro-Ministro. Muitas vezes, por desconhecimento, a comunicação social refere-se também a este palacete como Palácio de S. Bento, sendo que a melhor designação seria Residência Oficial do Primeiro-Ministro.

 

O palácio foi classificado como Monumento Nacional em 2002.

 

3,674 views
4 faves
9 comments
Taken on June 25, 2007